COMO PREVENIR ACIDENTES NO CONDOMÍNIO?

COMO PREVENIR ACIDENTES NO CONDOMÍNIO?

Como prevenir acidentes no condomínio?

Se você é um síndico prevenido, considere a segurança do seu condomínio. Você sabia que o síndico pode ser responsabilizado no caso de um acidente provocado por omissão ou descaso?

Manter uma atitude preventiva pode evitar acidentes e contribuir para a qualidade de vida de todos os moradores, inclusive crianças, idosos e pessoas com mobilidade reduzida.

Pensando nisso, preparamos esse artigo com algumas das ocorrências mais frequentes na vida condominial e algumas práticas que podem preveni-las. Além de esclarecer de quem é a responsabilidade nesses casos.

Afinal, de quem é a responsabilidade?

Dependendo do caso, a pessoa lesionada, terceiros, e até mesmo o condomínio podem ser responsabilizados.

A responsabilidade civil é atribuída quando o acidente gera impacto material ou financeiro na vida de terceiros. O síndico pode ter que responder criminalmente se o acidente causar prejuízos ou riscos à integridade física dos condôminos.

Medidas que devem ser tomadas para prevenir acidentes

Pisos

É comum que os pisos se desgastem com o tempo, por isso verifique se há irregularidades e evite o uso de ceras ou outros materiais que possam deixá-los escorregadios. Para evitar que alguém acabe se acidentando é necessário usar placas sinalizadoras quando o piso estiver molhado.

Sinalizadores

Em locais que circulam idosos e crianças, a sinalização é indispensável. Escadarias, desníveis, saídas de emergência, piscinas, parquinhos e academias. Esses locais devem ser bem sinalizados por placas adequadas.

Elevadores

A maioria dos acidentes em elevadores está relacionada às portas, além disso, ficar preso pode ser uma péssima experiência. Por isso, mantenha em dia a revisão periódica dos elevadores, realizando as manutenções preventivas e conscientizando os moradores para não excederem sua capacidade máxima.

Instalações Elétricas

Mantenha as áreas comuns livres de fios soltos ou desencapados. Oriente os moradores do condomínio para não sobrecarregarem a rede elétrica nas unidades, a fim de evitar danos que podem atingir todo o edifício.

Áreas de recreação

No playground, verifique o estado de conservação dos brinquedos e elimine peças enferrujadas, pregos soltos, ou qualquer objeto pontiagudo que possa ferir alguém. Demarque a área reservada para as crianças, de modo que elas não saiam para brincar no estacionamento ou outras áreas de circulação do condomínio.

Piscinas

Revista a área que circunda a piscina com material antiderrapante para evitar a ocorrência de acidentes tanto de adultos quanto de crianças e, especialmente, idosos. Para melhorar a segurança, use uma cerca de proteção delimitando a área de acesso à piscina. Também é recomendado disponibilizar boias para os banhistas.

Lixeiras

O lixo mal descartado no condomínio pode causar acidentes e doenças. O ideal é que seu condomínio tenha um espaço exclusivo para armazenar os materiais orgânicos e inorgânicos e que o síndico observe atentamente o cumprimento das normas de recolhimento.

Circulação de veículos

A orientação e conscientização sobre a circulação de veículos nas vias internas dos condomínios também ajudam a prevenir acidentes. Estabeleça, por meio de assembleias, o limite de velocidade máxima permitida nas áreas internas do condomínio.

Equipamentos de proteção

Fiscalize se os funcionários, ainda que terceirizados, estão fazendo uso correto dos equipamentos de proteção para evitar acidentes de trabalho no condomínio. As normas do Ministério do Trabalho e Emprego devem ser seguidas por todos os condomínios.

Calhas

Calhas sem manutenção afetam a estrutura do condomínio e são alvo para a proliferação de larvas e mosquitos que podem causar doenças. Faça a revisão e manutenção periódica das calhas e evite esses problemas.

Agora que você já conhece algumas dicas para evitar acidentes e sabe o quanto a segurança condominial é importante para todos os moradores e funcionários, faça a sua parte. O cuidado com a vida humana é um dever de todos!

 

Fonte: https://portal.brcondos.com.br/como-prevenir-acidentes-no-condominio/

 

Compartilhar: